Aprender inglês sozinho: veja como isso é possível

Existe alguma chance de aprender inglês sozinho ou isso é lenda?

Ouça também pelas plataformas digitais:

Saiba Mais

Adicionar o deck desta aula

Saiba Mais

Receba notificações e baixe o material!
Aprender inglês sozinho: veja como isso é possível
Quero receber tudo!
Não perca os próximos!
Seja avisado(a) sempre quando sair novos episódios e materiais!
Quero ser avisado!
Leitura de 
5 min

Existe alguma chance de aprender inglês sozinho ou isso é lenda? Esse é um idioma que está muito presente no nosso dia-a-dia entre as músicas que escutamos, os filmes e séries aos quais assistimos ou, até mesmo, no jargão das empresas em que trabalhamos. Além disso, vivemos na era da Internet, com acesso a materiais infinitos e sites que te ensinam os mais diferentes assuntos.  
Então, viemos te provar que é, sim, possível se tornar fluente estudando por sua conta! Conheça dicas para começar a aprender inglês sozinho agora.

Como começar a estudar inglês sozinho?

Antes de darmos dicas sobre conteúdos e fontes de estudo, há uma série de coisas que você precisa ter em mente para começar a estudar inglês sozinho.
A curiosidade deve ser sua melhor amiga. Ela vai te impulsionar a descobrir mais sobre o idioma, aprender expressões nativas que ninguém vê em cursos tradicionais e vai ser seu motor durante todo o processo. Com a curiosidade no modo on, parta para o planejamento

Sem planejamento, você vai se sentir perdido e perder a vontade de estudar assim é fácil. Separe um tempo da sua semana ou do seu dia para se dedicar ao inglês e pesquise os assuntos mais importantes para se saber no idioma. Corra atrás dos tempos verbais, das estruturas básicas, como frases negativas e interrogativas, e dos vocabulários mais usados.

Dentro do planejamento, mantenha um relatório de tudo que você já estudou e quer estudar. Com ele, você poderá ver o que já estudou, dando um gás para ver o próximo assunto, e consegue pensar no passo seguinte sem problemas. Você pode criar objetivos e dar check em cada um conforme for estudando. 
A sensação de ver os itens checados é super satisfatória! Mas fica a dica: não aprenda outro assunto sem ter dominado o que você começou. De nada adianta estudar vários tópicos se você não sabe verdadeiramente nenhum deles. O segredo é ter segurança e estar confiante na hora de se comunicar, então tente garantir isso desde o início. Se preciso, revise o conteúdo quantas vezes quiser.

Onde devo anotar tudo isso? No seu caderno! Ele pode ser físico, com o bom combo papel e caneta, ou pode ser um documento no seu computador em que você vai guardar as regras e os exemplos. Organização é tudo na vida. Não faz sentido criar um planejamento lindo se, na hora do “vamos ver”, estiver tudo bagunçado e sem nenhuma arrumação. Seja cuidadoso com seu material.

OK, já temos o planejamento e o caderno, e agora? Comece a estudar! Não existe melhor momento para começar do que agora. Durante seus estudos, aplique o que aprende no seu contexto. Por exemplo, se você adora cozinhar, tente usar o vocabulário apropriado enquanto faz o almoço. Inclusive, escolher estudar coisas do seu interesse também pode te estimular no inglês!

Seja disciplinado e mantenha seu ritmo de estudo. Como dito antes, é muito mais fácil se desmotivar e desistir, porque o caminho é longo e não é fácil. Então, acredite no seu potencial e estude um dia de cada vez! Evite pensar na “distância” do resultado a longo prazo. Use da sua vantagem de estar começando para dar um passo de cada vez. Pratique sempre que possível e sinta o progresso aos poucos.
A comparação é inevitável, não vou mentir. Portanto, não pense que você terá um “sotaque de nativo” logo de cara ou, sequer, que você deva ter esse sotaque! Você está aprendendo uma outra língua e o que conta é saber se comunicar de forma eficiente. Essa ideia de “limpar o sotaque” nem sempre é a ideal, então abrace sua origem e pronuncie da melhor forma que você conseguir. 

Outra comparação que não deve (ou, pelo menos, não deveria) ser feita é do inglês com o português. Nem tudo pode ser traduzido ao pé da letra! Tenha em mente que são dois mundos completamente diferentes, cada um com suas próprias características. Algumas coisas funcionarão na tradução, principalmente palavras inglesas de origem românica, que é a origem do português, mas vá de cabeça aberta, pronto para aceitar as estruturas do inglês.
Além disso, aceite que você não vai aprender tudo. Não sabemos nem tudo do português! Por que deveríamos saber tudo de uma segunda língua? A curiosidade (lembra dela?) vai fazer com que você queira aprender mais, mas nunca mire nos 100%. Ele vai colocar o inglês em um lugar inalcançável e sabemos bem que ele não está neste lugar. Por fim, divirta-se! Independentemente do seu objetivo, estudar pode ser leve e te trazer muito prazer. Não queremos, de jeito nenhum, algo chato, não é?

Ufa! É bastante coisa, mas não poderíamos deixar passar. Essas dicas iniciais farão total diferença no seu aprendizado. A seguir, vamos te mostrar como aplicá-las em seu inglês no dia a dia.

O inglês no seu dia a dia

Eba! Você já está dando seus primeiros passos no aprendizado do inglês. Agora, vamos te mostrar como aplicar ele no dia-a-dia, afinal um dos pontos em que tocamos foi a consistência. O segredo é aprender um pouquinho todo dia ao invés de um “tantão” a cada mês. Essa é a parte mais divertida, porque vai ser durante o lazer em que você vai aplicar o idioma.

Se você é a pessoa dos podcasts, que tal experimentar ouvir um podcast em inglês? Lógico que, se você é iniciante, não comece ouvindo um episódio sobre mercado financeiro ou sobre física. Dê seu start em temas mais simples, como notícias que você já acompanhou em português ou podcasts narrativos. Fica a dica: a Fluency tem vários podcasts por onde você pode começar. Procure por Walk’n’Talk Essentials na sua plataforma de áudio favorita e, quando você estiver mais avançado, procure por Walk’n’Talk Level Up.

Também pode seguir na linha da escuta e dar uma chance para audiobooks, livros narrados em inglês. Outra opção é ouvir rádios online com transmissão direto de países nativos do inglês. Música é uma excelente oportunidade para aprender inglês desde o início! Além de conhecer grandes artistas, muitas letras são bem simples e trazem vocabulário nativo do dia-a-dia. 

Onde passamos a maior parte do nosso tempo? Na Internet! Pois então, use isso como mais uma janela para aplicar o que você estuda. Mude o idioma de suas contas, siga páginas de memes e outros temas do seu interesse e jogue seus jogos favoritos em inglês! Aproveite e siga as páginas de inglês da Fluency no Instagram: @fluencytvingles e @fluencytvenglish.

Algumas expressões para você aprender:

Filmes e séries em inglês

Começando pelo começo: os seriados infantis
Quando aprendemos uma nova língua, começamos com palavras simples, como números, cores e objetos. Bem parecido com crianças que estão começando a falar. Inclusive, soamos como crianças quando arriscamos as primeiras palavras em um novo idioma. Então, pra aprender inglês passo a passo, vale a pena brincarmos de ser crianças.
Isso não é motivo para se envergonhar. Pelo contrário! Aproveite o imenso universo de seriados infantis em inglês. Eles são criados especialmente para isso: ensinar a se comunicar. Se você quer aprender inglês sozinho, esse também é um caminho válido. Até porque na programação infantil a linguagem é mais simples. Não há o uso de gíria e os personagens não costumam ter sotaque. Além de tudo, esses seriados são um ótimo recurso para que você aprenda inglês grátis.
No Youtube, você encontra desde clássicos como o Sesame Street (Vila Sésamo), a coletâneas de vídeos com histórias infantis e contos de fadas, como o canal Gheetanjali Kids  ou o Kids Learning Videos.

Seguindo em frente: filmes e séries de TV
Se você já domina um vocabulário básico e começa a ter vontade de variar a programação, está na hora do segundo passo. Ou seja, começar a assistir séries de TV e filmes feitos para adultos. Sim… outro jeito pra lá de divertido de estudar inglês!
Naturalmente, o nível de dificuldade aumenta. Na programação feita para adultos, o vocabulário tende a ser mais variado e as falas, mais rápidas. Mas, se a sua intenção é interagir com pessoas “de verdade”, esse é um tipo de cenário que você terá que dominar. Felizmente, há uma técnica para transformar filmes em inglês e séries de TV em excelentes recursos de aprendizagem.

1) Primeiro, esqueça filmes e séries dubladas.  De agora em diante, assista apenas a filmes e séries com o áudio original, com legendas. No início, é totalmente normal ter dificuldade de acompanhar. Mas com o tempo seu cérebro irá aprender a adivinhar o que está acontecendo a partir do contexto. Em seguida, desabilite as legendas. Se você está no nível iniciante, tudo bem começar com legendas em seu próprio idioma.
2) Depois, assim que consiga, você pode habilitar as legendas em inglês. Passe tanto tempo quanto precisar nessa fase, e quando realmente sentir-se pronto(a), desabilite as legendas.
3) Terceiro: não leia as legendas. Você tem que resistir à tentação de ler as legendas o tempo todo. A ideia é se acostumar a usá-las como um apoio visual. Do contrário, esse método não funciona.
4) Não pesquise o significado das palavras. Se você ficar pausando com frequência, vai se entediar. Porque o filme vai ficar muito longo. Se você achar muito importante, pode manter um caderno ao lado da pipoca. Escreva algumas palavras e expressões que você queira pesquisar depois.
Dicas:

1. Mantenha a regularidade e a consistência. Como sempre, procure praticar com regularidade. Eu recomendo que você assista a 2 ou 3 filmes por semana ou, se prefere séries, pode até assistir a um episódio por dia. Porque cada um deles dura apenas de 40 a 50 minutos.

2. Para facilitar sua própria vida, comece com filmes e séries que você já conhece bem. Naturalmente, é mais fácil entender um filme ou episódio de uma série com o qual você já está familiarizado(a). Dessa forma, você manterá seu interesse, já que já tem alguma ideia da trama, e nunca ficará totalmente perdido(a).

Assista a filmes e séries em inglês

Tá aí uma dica clichê, mas que funciona muito bem para aprender inglês on-line!
Até porque, além de te ajudar a deixar o seu inglês em dia, esse assistir filmes e séries te ajuda com o contexto cultural daquelas pessoas.
Portanto, comece assistindo com as legendas em português ou inglês e, ao longo do tempo, tire as legendas quando se sentir confortável.

Invista em séries e filmes em inglês

Se você gosta de filmes dublados, que tal trocar por áudio original e legendas? Além de praticar a leitura em português, começa a conectar os dois idiomas. Com o tempo, retire a legenda. Você vai se surpreender com o seu aprendizado!

Leia mais: Movie Time - O Poderoso Chefão.

Ferramentas online para treinar inglês

Amplie o seu vocabulário (com uma ferramenta superútil!)
Não… não precisa decorar o dicionário! Há formas bem mais fáceis e agradáveis de investir em ampliar seu vocabulário em inglês. A melhor ferramenta para isso, na verdade, está bem aí no seu bolso… ou bolsa! Hoje em dia, estamos com nosso celular o tempo todo, seja no caminho para o trabalho ou escola, durante o intervalo de almoço, ou à noite antes de dormir. Então, tire proveito disso e aproveite aqueles 10 minutos ociosos para estudar inglês e ampliar seu vocabulário.
Concluindo: se sua meta é aprender inglês sozinho, invista nesse recurso! É, sem dúvida, o melhor aplicativo para aprender inglês que você encontra nas app stores. 

Use recursos online – selecionamos os melhores pra você!

Aqui mesmo, no blog MosaLingua, oferecemos uma página com dezenas de recursos para aprender inglês online grátis. Ela é resultado das pesquisas dos próprios membros da Equipe MosaLingua. Ali, há todo o tipo de material que possa ser útil (e interessante) pra ajudar você a aprender inglês. Então, não deixe de dar uma olhada! No entanto, há milhares de sites para você aprender inglês online grátis. Então, se você quer saber como aprender inglês sozinho(a), aqui vão quatro dos meus recursos favoritos:a) Time for Kids
A versão para crianças da revista americana Timetraz as principais notícias do dia em textos bem mais simples que os originais, e recheados de vocabulário.b) Ello – English Listening Library Online
Outro recurso fantástico para aprender inglês online grátis! Ello é uma enorme biblioteca online. Ela reúne várias gravações em áudio para você exercitar a escuta e aprender novas palavras. Todos as faixas têm o texto correspondente, para facilitar o entendimento.c) BBC – Learning EnglishUma das ferramentas mais completas para você aprender inglês online. Criado pela BBC, traz exercícios, vídeos, revisões, textos e muitos recursos. Tudo gratuito.d) o canal do MosaLingua no Youtube
Com dezenas vídeos voltados à aprendizagem de inglês. E outras tantas com dicas relevantes para a aprendizagem de idiomas em geral, incluindo como manter a motivação, como se organizar para aprender sozinho(a) e muito mais! E… tem vídeo novo toda semana.
Use o Youtube pra melhorar sua pronúncia
Ah, o Youtube! Ele é mesmo uma fonte inesgotável de conhecimento e diversão, certo? E, como não podia deixar de ser, também uma fonte excelente de recursos de aprendizagem pra aprender inglês. Aqui, neste outro arquivo do nosso blog , você encontra nossa seleção de cinco canais que vale a pena conhecer.

Reúna os melhores recursos para aprender inglês sozinho

Além de saber por onde começar a aprender inglês sozinho, você também precisa saber como e quais recursos você irá usar durante a sua jornada, jovem.
Ou seja, você precisa de algum material para aprender uma nova estrutura, fazer exercícios ou qualquer outra coisa que irá te ajudar a aprender cada vez mais, seja livros de inglês, histórias, blogs, vídeos curtos e assim vai…

Você escolhe.
Assim que puder, dê uma olhada neste outro artigo que eu escrevi: Os Melhores apps e sites para colocar o inglês em dia.

Tenha um bom dicionário de inglês sempre por perto

Como eu costumo dizer: “Um dicionário sempre será o melhor amigo de quem está aprendendo inglês ou qualquer outro idioma”. 
Sim, eu realmente acredito nisso!

Até porque, eu ainda lembro o quanto um minidicionário — sem capa e rasgado que peguei “emprestado” da minha mãe — me ajudou muito a aprender inglês sozinho naquela época.
Bons tempos!!! 

Meu minidicionário, porém, era de papel.
Logo, se você achar que precisa de algo mais rápido e prático, então aconselho que você tenha um dicionário em seu celular, pois, além de ser possível ouvir a pronúncia das palavras, também será mais fácil carregá-lo por aí.

Se quiser saber um pouco mais sobre, dá um ligue em: Os melhores dicionários de inglês online e gratuitos.

Leia mais: * Na parte de ferramentas, linkar o memhack também

Não esqueça da leitura em inglês

Leia graded readers
Graded readers são livros com obras super conhecidas adaptados por níveis de proficiência, para que alunos que estão começando a aprender idiomas possam, de forma muito mais acessível, ler um bom livro com uma estrutura e vocabulário mais simples.

Sendo assim, instigando você a praticar a leitura no seu novo idioma.
E, para encontrá-los, você só precisa procurar na internet, ir até um sebo, estação do metrô ou qualquer outro lugar que tenha livros à venda. 

Ah! Sem contar que a maioria deles vêm com cds!
Muito legal, não é?

Leia em voz alta

Alguns professores não curtem muito essa ideia de ler em voz alta em inglês, porém, aqui no Inglês com James, eu sempre peço que meus alunos façam esse exercício durante a semana e me enviem áudios mostrando o progresso deles. 
Esses exercícios, inclusive, podem te ajudar a encontrar um tom de voz que seja mais confortável para você falar inglês.

Além disso, nós também usamos a leitura em voz alta para associar os sons das palavras às suas grafias.
E como eu peço para os meus alunos lerem em voz alta em inglês? 🤔

Nós fazemos assim: após ter lido um texto e procurado a pronúncia e tradução das palavras desconhecidas o que tínhamos dúvida, a gente lê a primeira frase até o ponto final, em voz alta, bem devagar, palavra por palavra, duas vezes e, na terceira, a gente lê o mais rápido que puder.Feito isso com a primeira frase, a gente para as seguintes, fazendo a mesma coisa até terminar o texto.

É bem puxado, por isso sempre pego textos pequenos ou partes de textos maiores.
A ideia é que você consiga falar palavra por palavra e não “comer” nenhuma pelo caminho, além de te ajudar a grudar as consoantes com as vogais. Sacou?Blogs com texto e áudios

Leia
Se está começando a aprender inglês, busque indicações de livros. Os infantis são ótimas opções para o início. Além de ser fácil de aprender e memorizar, você também vai se divertir bastante. Mas se o seu conhecimento é mais avançado, acesse sites de notícias em inglês, como o The Guardian, CNN, BBC, Reuters, People Magazine e, até mesmo, as redes sociais dos famosos que você admira. Com o tempo, entenderá toda a mensagem.

Leia mais: Aprender inglês com outras mídias.

Dicas de exercícios em inglês para praticar todo dia

Converse em inglês: nossas dicas pra ajudar você a praticar

Já domina uma certa quantidade de palavras e frases úteis? Então é hora de começar a usá-las com outra pessoa. Vencer o medo de falar costuma ser um dos maiores desafios para quem está aprendendo inglês, ou qualquer outro idioma estrangeiro, mas é também a maior conquista nesse processo. Então, uma das dicas de inglês que você deve seguir é: deixe a vergonha de lado e mãos (ou melhor, boca…) à obra!
Dois passos para acabar com a vergonha de falar

Dominar a conversação em inglês é, sem dúvida, um marco para quem estuda esse idioma — ou, na verdade, qualquer idioma estrangeiro. Quase todo mundo sofre com o medo do “branco”. Ou seja: de “travar” quando vai conversar com alguém. Felizmente, há dois exercícios que ajudam muito a acabar com a vergonha de falar inglês:

1) Fale sozinho(a)! Não… você não vai parecer maluco(a). Primeiro, porque não se trata de falar sozinho a qualquer hora e em qualquer lugar. Segundo, porque você não precisa começar falando em voz alta. Pode começar com aqueles diálogos mentais que ocorrem dentro da nossa cabeça o tempo todo.
Eu, pessoalmente, uso o tempo em que estou correndo, caminhando ou lavando a louça para criar diversos desses diálogos. Você pode pensar em situações reais que aconteceram no seu dia e em como você teria respondido a determinadas perguntas em inglês, por exemplo.

2) Use o método do shadowing.  Shadowing é um método conhecido de aprendizagem para quem quer melhorar sua pronúncia em um idioma estrangeiro. Um método simples e fácil de colocar em prática. Pra começar, basta você escolher um arquivo curto de áudio, gravado por um(a) nativo(a) no inglês. Há boas opções de textos para iniciantes neste artigo; e de textos para quem já está no nível intermediário neste outro.

O shadowing, passo a passoPrimeiro, leia o texto escolhido, ouvindo o arquivo de áudio. Repita esse passo algumas vezes, prestando bastante atenção na pronúncia e na entonação do narrador.
Em seguida, toque o arquivo de áudio novamente, e leia o texto junto com o narrador. Sua meta é imitá-lo(a). Ou seja: reproduzir o ritmo e a entonação da fala da forma mais próxima que você conseguir.

Repita este exercício alguma vezes e, então, tente fazer o mesmo sem ler o texto. Dessa forma, toda a sua concentração fica voltada para o que ouve e o que diz.Como você já deve ter se dado conta, com a técnica do shadowing, você exercita sua compreensão oral e sua pronúncia. Ou seja: exatamente as habilidades das quais você precisa para conversar com outra pessoa. Só que sem o stress de ter que fazer isso sem saber se dá conta do recado, mas sim usando esse exercício como preparação para conversar com um nativo!

Partindo para a conversação

Depois que você já ganhou autoconfiança com o método do shadowing, é hora de ir em frente. Até aqui, você investiu em aprender inglês sozinho mas, agora, sua abordagem tem que mudar um pouco.  O próximo passo é justamente praticar as habilidades de compreensão oral e pronúncia que você ganhou com esse exercício mas, desta vez, com um parceiro real. A forma mais eficiente de encontrar um parceiro linguístico é optar por sessões de conversação online. E uma das formas mais fáceis de encontrar com quem conversar é usar os sites dedicados a intercâmbios linguísticos que fazem uso do conceito Tandem. Ou seja: sites que conectam pessoas com interesses complementares. Como você, que fala português e está aprendendo inglês, com alguém que fala inglês e quer aprender português.

A ideia por trás desse conceito é que vocês ajudem um ao outro, compartilhando seu conhecimento de forma gratuita. Para que isso funcione, basta estabelecer um tempo igual para cada idioma. Se vocês tiverem uma hora para conversar, por exemplo, 30 minutos serão em inglês, 30 em português. https://www.fluencytv.com/conteudos/8-dicas-para-aprender-ingles-mais-rapido

Perguntas frequentes sobre aprender inglês sozinho

É possível aprender a falar inglês sozinho?

Claro que tem, jovem! Quando você segue um método de forma consciente e consistente, fica muito mais fácil aprender inglês. Siga o que ensinei hoje por alguns meses e me diga o que aconteceu. Por qual conteúdo começar a aprender inglês?

Comece pelas saudações em ingles, jovem. Depois, vai avançando com os meses do ano; números; como dizer as horas; alfabeto; pronomes; dias da semana; verbo to be; simple present; verbos modais; present continuous; simple past; simple future e assim vai…

Como aprender inglês mais rápido e sozinho? Quanto tempo leva para aprender inglês sozinho?

Sendo bem sincero? Não tem como medir isso, jovem. Afinal, além de ter bem definido o que será feito — principalmente levando em conta o seu ponto de partida —, você precisa definir o que é ser fluente em inglês para você, saca? Ou seja, ser fluente em inglês pode ser muito relativo, já que depende do contexto que você irá usar a língua, seja ela trabalho, faculdade, dia a dia etc. Cada situação pede um preparo diferente. Um tempo diferente. Como eu disse, não tem como saber um tempo exato para chegar à fluência no inglês, portanto, aconselho que você sempre duvide de promessas milagrosas. Siga o que você aprendeu aqui; pratique, revise, mantenha controle sobre o que você aprendeu e veja se funcionou, e, tendo feito tudo isso, repense sobre o que você já fez e tente mudar, caso ache necessário. Foca no simples, pois o simples sempre funciona.

Fluency Academy
Nome do autor
Hey guys! Eu sou a Becca, teacher de inglês na Fluency Academy!
Nome do autor
Hey guys! Eu sou a Becca, teacher de inglês na Fluency Academy!
Assine nossa newsletter!
Não perca nenhuma novidade da Fluency Academy!

Não perca nenhuma novidade da Fluency Academy!

Preencha os campos ao lado:
Obrigado por
Se
Inscrever!

Assinatura confirmada! Agora você receberá todas nossas novidades e materiais exclusivos em seu email.

Não perca nenhuma novidade da Fluency Academy!

Preencha os campos ao lado:
Oops! Something went wrong while submitting the form.

E aí, curtiu a aula?
Não fique de fora da nossa turma de verão!

Conheça a maior escola online do Brasil e junte-se a outros 30 mil alunos.

Garanta sua vaga

Nova turma aberta! Garanta sua vaga!

Entre para a fila de espera e garanta uma vaga para a próxima turma do dia 05/10/2020.

Matricule-se
Acesse o link abaixo e garanta uma vaga para a próxima turma.
Venha fazer parte da Fluency Academy!

Nova turma em breve!
Garanta sua vaga!

Seu cadastro foi concluído
com sucesso!

Assim que abrirmos novas turmas, você será
notificado(a) para tentar uma das vagas!

Oops! Something went wrong while submitting the form.
No items found.
Playlist
Now playing: 
Aprender inglês sozinho: veja como isso é possível
No items found.
No items found.
Recomendados para você!
No items found.

Bora para a próxima aula!

Next Class!
No items found.

Materiaismaisbaixados!

The Fluency Hacking Method
O guia definitivo de aprendizado de idiomas!
Baixar Material
Dicionário de Phrasal Verbs
Ebook de Inglês
Baixar Material
Guia prático de reduções de inglês
Walk 'n' Talk Especial #02
Baixar Material
Inglês Nativo?
Palavras que você aprendeu e que ninguém fala
Baixar Material
Confira nossos 
últimos podcasts!
Confira nossas 
últimas LIVES!
#Agora no Instagram
Inglês
Francês
Espanhol
Alemão
Italiano
This is some text inside of a div block.
This is some text inside of a div block.
This is some text inside of a div block.
This is some text inside of a div block.
1.1
982
Cookie Talk

Nós utilizamos cookies para aprimorar sua navegação e personalizar sua experiência dentro do FluencyTV!

Acessar meu Curso
Fazer Login
Ainda não é nosso aluno?
Entre em nossa fila de espera!
\